[ editar artigo]

Benefícios da música nas diferentes fases do desenvolvimento infantil

Benefícios da música nas diferentes fases do 
desenvolvimento infantil

São diversas as pesquisas a respeito desse poder da música no desenvolvimento das crianças, sendo considerada inclusive uma ferramenta alfabetizadora além de ajudar a desenvolver algumas habilidades como coordenação motora, cognição, afetividade, atenção (concentração),  percepção,  memorização e o movimento, a música é ainda uma importante forma de expressão, por isso trouxemos aqui a explicação sobre os benefícios da música nas diferentes fases do desenvolvimento infantil, com dicas práticas de como estimular a musicalidade. 

Música na Gestação: 

Pesquisa realizada na Finlândia no ano de 2013 comprovou que ouvir música durante a gestação faz bem para o desenvolvimento cerebral do bebê otimizando o aprendizado desde muito cedo, inclusive da linguagem. 

  • Dica Prática: Ter um tempo para ouvir música todos os dias durante a gestação, em torno de dez minutos é o suficiente. 

Leia também: A influência da música na gravidez!

Música nos primeiros 6 meses do bebê:

Nos primeiros dias de vida o bebê já consegue distinguir os sons entre uma música conhecida e uma desconhecida. A música será uma aliada importante no desenvolvimento da compreensão oral, da linguagem e da coordenação.

  • Dica Prática: Cantar sempre músicas com gestos para seu bebê, com o tempo ele vai começar a imitar.

Música na idade pré escolar:

Estudos apontam que os pais que proporcionam um ambiente musical rico ajudam a criança a desenvolver diversas habilidades, além da própria musicalidade. Segundo pesquisas dos anos 90, a criança exposta à um ambiente musical, tende a falar com mais clareza, desenvolver um vocabulário maior e até mesmo a fortalecer as habilidades sociais e emocionais. Isso porque a música ajuda na conexão entre o corpo e o cérebro.

  • Dica prática: produzir instrumentos caseiros com sucatas ou utilizar os mais diversos objetos da casa para fazer música. Utilize canções curtas e com letras simples. Você também pode fazer atividades de palmas com as músicas.

Música durante a Educação Infantil:

Segundo o Referencial da Educação Infantil: “A música no contexto da educação infantil vem, ao longo de sua história, atendendo a vários objetivos, alguns dos quais alheios às questões próprias dessa linguagem. Tem sido, em muitos casos, suporte para atender à vários propósitos, como a formação de hábitos, atitudes e comportamentos [...]”. 

Leia também: Quem canta seus males espanta. Xô mau humor!

Isso porque através da música, são abordados os mais diversos temas, além de ser uma forma da criança expressar as emoções. Então, é muito importante especialmente para o desenvolvimento emocional dos pequenos nesta fase.

  • Dica Prática: Este é o tempo de inserir instrumentos, incentivar a criança a aprender aquele que ela demonstra mais interesse.

Você pode utilizar também, músicas específicas para a gestação, amamentação, criação dos vínculos afetivos, introdução alimentar e outros momentos das crianças, grupos como o Palavra Cantada, Pequeno Cidadão e Tiquetê, tem diversas músicas simples e divertidas que você pode utilizar para musicalizar o dia a dia de suas crianças desde bem pequenas como aquela famosa canção “banho é bom” do ratinho do castelo Rá-Tim-Bum.

Além de tudo o que vimos, ouvir música pode ser prazeroso, relaxante e divertido. Vale inserir um tempo musical na nossa rotina do dia a dia!

Haveria muito ainda a falar dos benefícios da música, dicas práticas de musicalização, indicações de grupos musicais e músicas temáticas, tem muito assunto musical vindo por aí! Então conta para nós, o que você gostaria de saber a mais sobre este tema?

Comunidade Materna
Comunidade Materna
Comunidade Materna Seguir

Redação Comunidade Materna

Ler conteúdo completo
Indicados para você